78257

Riqueza e diversidade funcional de mamíferos em fragmentos urbanos de florestas semi-decíduas no sudoeste do Brasil

Favoritar este trabalho

A fragmentação florestal pode causar a perda de mamíferos que residem em um fragmento juntamente com os processos ecológicos em que eles participam com consequente alterações na faunística, florística e ecologia dos fragmentos. Neste trabalho estudamos a diversidade funcional de mamíferos em fragmentos urbanos de mata atlântica. Utilizamos armadilhas de captura-viva, armadilhas fotográficas, armadilhas de areia para pegadas e "play-back" para medir a riqueza de mamíferos e levantamos as dietas, hábitos, e períodos de atividade de cada espécie para calcular a sua diversidade funcional. Comparamos os resultados com dois fragmentos próximos, 25 e 4000x maiores e discutimos a importância das espécies para a resiliência das matas.