Relação entre reflectância in situ do espectrorradiômetro e de superfície do Landsat 8/ OLI nas águas do reservatório da Usina Hidrelétrica Barra dos Coqueiros (GO)

Vol 19, 2019 - 96708
Oral
Favorite this paper
How to cite this paper?
Abstract

O sensoriamento remoto e as técnicas de espectrorradiometria de campo representam estratégias para o monitoramento de ambientes aquáticos. Nesta perspectiva, objetiva neste estudo comparar a reflectância bidirecional obtida através do espectrorradiômetro de campo com a reflectância de superfície do sensor Operational Land Imager (OLI), a bordo do satélite Landsat 8. A coleta de dados corresponde a quatro campanhas de campo em 40 pontos de monitoramento nas águas do reservatório da Usina hidrelétrica Barra dos Coqueiros (GO). Os resultados mostraram que as melhores correlações positivas em todas as campanhas de campo ocorreram nas bandas espectrais 1-aerossol com coefienciente de correlação de Pearson de r² 0,76 e na faixa 2-azul de r²=0,72, resultando em uma reflectância mais acentuada nas bandas do verde e vermelho, principalmente, durante os campos realizados no período de maior precipitação pluviométrica fevereiro/2016 e janeiro/2017, devido apresentar maior concentração de componentes opticamente ativo nas águas (Clorofila “a” e sólidos em suspensão), que em relação aos campos de agosto/2016 e julho/2017.

Institutions
  • 1 Geografia / Regional Jataí / Universidade Federal de Goiás
  • 2 Universidade Federal do Rio Grande do Sul
  • 3 Universidade Federal de Goiás
Track
  • Remote sensing of inland water systems
Keywords
Reflectância da água
Componentes opticamente ativos
Sensoriamento remoto