31372

JOGOS NAS AULAS DE MATEMÁTICA: Uma forma dinâmica para compreensão de logaritmos

Favoritar este trabalho Entre em contato com os autores

O Ensino de Matemática tornou-se uma das maiores preocupações nos últimos anos, principalmente depois da influência do Movimento da Matemática Moderna (MMM), que trouxe muitas contribuições para a Educação Matemática, sendo algumas, o despertar para os problemas ligados ao ensino de matemática, a necessidade de compreender a formação de conceitos e a busca de estratégias e recursos didáticos que pudessem melhorar a aprendizagem dos alunos em Matemática (PIRES 2008, p. 20). Pensando nisso, a ênfase principal deste artigo está na contextualização do conteúdo de logaritmos nas aulas de matemática, articuladas com discussões e atividades lúdicas. Com o objetivo de aguçar o interesse dos alunos acerca de logaritmos e estimular o pensamento crítico, foi desenvolvida uma oficina com jogos e aplicações de logaritmos para alunos do 1º ano do Ensino Médio na Universidade do Estado da Bahia (UNEB) - campus VI. A base teórica fundamenta-se em Carvalho (1994), Eves (2011), Libâneo (2006), Schön(1992), Smole (2007) e Valente (1997). Os resultados mostram que a aprendizagem através de jogos e aplicações logarítmicas possibilita a descoberta, desperta o espírito investigativo, a autonomia e o pensamento reflexivo, mostrando que um trabalho diferenciado faz com que o aluno se encante e perceba o quanto a matemática é importante e está presente em situações práticas do dia-a-dia.