Plano de Manejo e Zoneamento Permacultural RPPN’s Águas Claras I e II

Vol 3, 2022 - 148826
Iniciação Científica-Oral
Favoritar este trabalho
Como citar esse trabalho?
Resumo

A região do Baixo Paraíba do Sul e Itabapoana apresenta uma situação delicada quanto aos recursos hídricos, assim como várias regiões do Brasil. De acordo com Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a cada dez domicílios um sofre com a falta d’água, sendo equivalente a seis milhões de domicílios. Com a existência dessa problemática que também assola todo o planeta, a Organização das Nações Unidas (ONU) propôs às nações a implementação do Objetivo de Desenvolvimento Sustentável 6 (ODS 6) da Agenda 2030 da ONU, que resume-se na universalização do acesso à água e ao saneamento. Desse modo, proteger os remanescentes florestais torna-se prioritário, já que a floresta é demasiadamente importante para o bom funcionamento dos ecossistemas, assim como para a manutenção da fauna, flora e dos recursos naturais. Sendo o volume florestal do Rio de Janeiro de apenas 30% do território Fluminense, e tendo em vista a relação água-floresta, as práticas permaculturais tornam-se uma alternativa para melhor uso da terra. Assim, no projeto visa-se transformar o entorno das RPPNs Águas Claras I e II em Unidades Permaculturais Demonstrativas, integrando soluções baseadas na natureza (SbN) e incentivando experiências em produção de água, por meio das práticas rurais permaculturais. Para isso, pesquisas sobre permacultura e um estudo na UC para identificar as condições ambientais estão sendo realizadas. Para elaboração do zoneamento e do planejamento permacultural, foram usados o roteiro metodológico Gestão de Empreendimentos Sustentáveis e o Roteiro Metodológico Estadual para Plano de Manejo de RPPN Tipo Azul, respectivamente. Por fim, circuitos para a visitação ecopedagógica, que abordarão conceitos de desenvolvimento sustentável, serão planejados. Atualmente, o Plano de Manejo e zoneamento permacultural estão em fase de construção. Em 18 de março de 2022 foi realizada a I Oficina do Plano de Manejo das RPPNs Águas Claras I e II, a fim de amalgamar os saberes científicos com o conhecimento local, sendo as informações todas captadas para subsidiar a elaboração do planejamento do território. No dia 13 de maio de 2022 a Oficina de Permacultura busca detalhar práticas permaculturais que podem ser empregadas na região. A implantação da Unidade Permacultural integrada às RPPNs está em fase de planejamento, aguardando liberação de recursos para implementação. Contudo, o projeto demonstra grande potencial frente à implementação de práticas permaculturais e soluções baseadas na natureza, transformando a Estação Semente RPPN Águas Claras I e II em um espaço para educação ambiental e pesquisas científicas.

Compartilhe suas ideias ou dúvidas com os autores!

Sabia que o maior estímulo no desenvolvimento científico e cultural é a curiosidade? Deixe seus questionamentos ou sugestões para o autor!

Faça login para interagir

Tem uma dúvida ou sugestão? Compartilhe seu feedback com os autores!

Instituições
  • 1 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense - Campos dos Goytacazes
  • 2 Instituto Federal Fluminense
Eixo Temático
  • 2.3 IFF - Engenharias
Palavras-chave
permacultura
unidade de conservação
SbN