33612

ÁCIDO MALTOBIÔNICO: EFEITO DO pH E DA TEMPERATURA NA SÍNTESE BIOCATALÍTICA POR Zymomonas mobilis

Favoritar este trabalho Entre em contato com os autores

A síntese biocatalítica de ácido maltobiônico, substância com potenciais aplicações na indústria cosmética em função de seu poder umectante e antioxidante, foi realizada via ação do complexo enzimático glicose-frutose oxidorredutase (GFOR) e glicono-δ-lactonase (GL) presente em células imobilizadas de Zymomonas mobilis. Entre os parâmetros de processo, pH e temperatura são os que mais influenciam a catálise enzimática. O objetivo deste estudo foi avaliar os efeitos do pH, na faixa de 6,0 a 7,2, e da temperatura, no intervalo compreendido entre 36 e 47°C, em ensaios de bioconversão de maltose e frutose em ácido maltobiônico e sorbitol, respectivamente, pelo complexo enzimático contido em células de Z. mobilis imobilizadas em alginato de cálcio. As melhores condições de processo, no que tange à catálise enzimática e que refletem na concentração final de ácido maltobiônico formado, cerca de 590 mmol/L, foram obtidas em reações realizadas em pH 6,4, a 39°C.