73565

O ensino e aprendizagem de língua via gêneros textuais: perspectivas e desafios.

Favorite this paper

O objetivo deste trabalho é analisar o ensino e aprendizagem de língua tendo como espaços didáticos os gêneros textuais, considerando as perspectivas e desafios que esse ensino leva no âmbito da sociedade contemporânea. Tomo como referencial as postulações de Bakhtin (2006, 2010a, 2010b, 2016), Marcuschi (2007, 2008), Nascimento (2014) e Moura (2015), para os quais o ensino de gêneros se constitui como instrumento efetivo de interlocução e de cidadania nas ações sociais mobilizadas nos mais diversos contextos. Para as análises realizadas, centro-me em depoimentos e relatos de experiências de alunos de graduação em Letras da Universidade Federal do Oeste do Pará, nos quais referem a práticas de ensino de língua realizadas por professores do Ensino Médio, especificamente a partir dos quatros eixo de ensino propostos pelos PSNs em que detectamos o uso de diferentes tecnologias, desde as mais tradicionais àquelas ligadas a suporte tecnológicos considerados avançados pela sociedade da Hipermodernidade.