56918

Produção e aplicação de eletrodos de filme de diamante dopado com boro (DDB) em processos de degradação de compostos orgânicos

Favoritar este trabalho

O desenvolvimento e a aplicação dos processos eletroquímicos de tratamento de efluentes contendo compostos orgânicos demandam a constante busca por novos materiais eletródicos. Dentro deste escopo, os eletrodos de filme de diamante dopados com boro (BDD) são materiais singulares, que agregam propriedades eletroquímicas e mecânicas importantes, e apresentam a capacidade de gerar espécies oxidantes, como os radicais hidroxila (•OH), diretamente em sua superfície, sendo estas espécies responsáveis de degradação dos poluentes orgânicos. Neste trabalho é apresentada uma visão geral da experiência do Grupo de Processos Eletroquímicos e Ambientais (GPEA) do IQSC/USP, associado ao Laboratório de Eletroquímica e Materiais Carbonosos (LABEMAC) do LAS/INPE e ao Laboratório de Eletroquímica Interfacial (LEqI) do IQSC/USP, na produção, caracterização e aplicação de eletrodos de filmes de diamante dopados com boro (DDB), suportados em titânio ou nióbio, em processos de degradação de compostos orgânicos como fármacos, corantes, agrotóxicos e outros compostos com potencial ecotóxico.