53298

ANÁLISE DO DESEMPENHO DE UM MODELO DE PRIORIZAÇÃO DA MANUTENÇÃO CORRETIVA NO HOSPITAL DE CLÍNICAS DE UBERLÂNDIA

Favorite this paper

O Engenheiro Clínico desempenha um papel muito importante na melhoria nos serviços oferecidos pelos EASs, criando ferramentas de gestão. Um bom exemplo é o desenvolvimento de gerenciamento das manutenções, que possui o intuito de aumentar a disponibilização dos equipamentos, realizando uma priorização do atendimento dos pedidos de serviço de manutenção (PSMs), de acordo com a importância de cada equipamento médico-assistencial (EMA) e também do setor onde o mesmo se encontra. Desta maneira, este trabalho apresenta a análise de desempenho de um modelo de Priorização da Manutenção Corretiva aplicado no Hospital das Clínicas de Uberlândia (HCUUFU) desenvolvido por Pazeto (2016). A partir da análise comparativa entre os resultados da aplicação do modelo e o método realizado pelos profissionais do setor, obteve-se um valor médio de 78,07% de concordância entre os meses analisados. Os resultados obtidos foram satisfatórios, podendo-se concluir que o modelo traz benefícios ao setor de Engenharia Clínica e ao HCU-UFU, organizando a priorização das manutenções corretivas e elevando a disponibilização dos EMAs.