82673

MODULAÇÃO DA ATIVIDADE FOTOCATALÍTICA DE PARTÍCULAS DE TiO2 MICRONIZADAS PARA USO EM PROTETOR SOLAR

Favorite this paper

Introdução: TiO2, um filtro inorgânico, apresenta atividade fotocatalítica (AF), o que dificulta sua utilização em cosméticos. Os revestimentos em sua superfície podem aumentar sua dispersibilidade em cremes de proteção solar e diminuir a formação de aglomerados, influenciando na estabilidade e estética do produto final, além de diminuir sua AF. O objetivo do estudo foi revestir partículas de TiO2 comercial (TiO2-COM) para investigar sua estabilidade, AF, proteção UV e, por fim, aplicar em protetores solares. Métodos: Utilizando a radiação ultrassônica, TiO2-COM foi revestido com SiO2 (TiO2/SiO2), Al2O3 (TiO2/ Al2O3), ZrO2 (TiO2/ ZrO2) e poliacrilato de sódio (TiO2/PAANa). Para a caracterização dos materiais foram utilizadas as técnicas DRX, FT-IR, TG, MEV-EDX, Potencial zeta (ξ), DLS e espectrofotometria de UV/Vis. A AF foi mensurada pela capacidade das partículas, irradiadas pela luz UV, em degradar o azul de metileno (para TiO2-COM, TiO2-US, TiO2/Al2O3 e TiO2/ZrO2) e a rodamina B (para TiO2-COM, TiO2-US, TiO2/SiO2 and TiO2/PAANa). Protetores solares contendo as partículas de TiO2 foram produzidos, onde se avaliou o FPS, potencial ξ e DLS das formulações. Resultados: Todas as partículas apresentam majoritariamente a fase rutila e a presença dos revestimentos na superfície do TiO2 puderam ser observados pelo FT-IR, TG, MEV-EDX e TEM. Para TiO2-COM, o valor de ξ (n° de medidas (n) =5) foi de - 5,29 ± 0,77. As amostras revestidas apresentaram diferentes ξ: - 25,13 ± 0,41, - 16,86 ± 0,56, - 21,40 ± 0,75, - 27,60 ± 0,52 mV para TiO2/SiO2, TiO2/Al2O3, TiO2/ZrO2 e TiO2/PAANa, respectivamente. As amostras TiO2/SiO2 e TiO2/PAANa apresentaram AF menor em 17 e 14%, respectivamente, comparada ao TiO2-COM, e TiO2/Al2O3 e TiO2/ZrO2 não obtiveram diferenças significativas. Todas as amostras mostraram semelhante proteção UV. Os protetores solares com TiO2/SiO2 (1,86 ± 0,24) e TiO2/PAANa (1,49 ± 0,13) apresentaram semelhante FPS (n=3), comparado ao TiO2-COM (1,66 ± 0,13), enquanto TiO2/Al2O3 (1,25 ± 0,17) e TiO2/ZrO2 (1,50 ± 0,08), um leve decréscimo. Todas as formulações apresentaram ξ menor que - 30 mV, sendo as amostras TiO2-COM, TiO2/SiO2 e TiO2/PAANa com os menores valores de PDI (0,293 ± 0,039, 0,327 ± 0,035, 0,226 ± 0,023, respectivamente, n=5). Conclusão: Comparado ao TiO2-COM, TiO2/PAANa e TiO2/SiO2 apresentaram uma menor AF, com similar fotoproteção e boa estabilidade física, com potencial aplicação em protetores solares. Apoio Financeiro: CNPq, CAPES e Funcap.