DESCRIÇÃO DOS INDICADORES DE DESEMPENHO DA ATENÇÃO PRIMÁRIA À SAÚDE NO ESTADO DE SÃO PAULO

Vol 2, 2021 - 139994
Pôster Eletrônico - PE02 - Avaliação de sistemas, políticas, programas e serviços de saúde (TODOS OS DIAS)
Favoritar este trabalho
Como citar esse trabalho?
Resumo

Objetivo: Descrever os indicadores de desempenho da Atenção Primária à Saúde (APS) nos municípios do estado de São Paulo, a partir da estratificação em grupos homogêneos (clusters). Métodos: Trata-se de um estudo transversal e descritivo. Os dados coletados, a partir dos sistemas oficiais de informações do Sistema Único de Saúde (SUS), são referentes ao ano de 2018. Foram selecionados e validados 25 indicadores para compor a matriz analítica, no contexto do desempenho, determinantes de saúde e sistema de saúde, e organizados em dimensões e subdimensões. Para a identificação dos grupos, aplicou-se a análise de cluster, usando o método hierárquico (método de Ward). Resultados: Foram construídos 6 grupos homogêneos, dos 645 municípios. Os Grupos 2 e 3 foram constituídos por municípios predominantemente pequenos e com as melhores coberturas da APS; nos Grupos 1, 4 e 5, com populações maiores, observaram-se os maiores percentuais de setores com alta ou muito alta vulnerabilidade; o Grupo 6 foi formado, exclusivamente, pela cidade de São Paulo. Conclusão: A descrição dos indicadores indica práticas e contextualiza o caráter situacional da APS nos sistemas municipais de saúde. A análise do desempenho dessas ações, assim como dos seus resultados, por termo, se faz necessária, quando se tem como pressuposto a redução das desigualdades ao acesso e a fundamentação científica para tomada de decisões assertivas à vista de um melhor desempenho da APS.

Eixo Temático
  • Avaliação de sistemas, políticas, programas e serviços de saúde