ANÁLISE DA INCIDÊNCIA DE CÂNCER DE MAMA EM MULHERES DO NORDESTE BRASILEIRO

Vol 2, 2021 - 140707
Pôster Eletrônico - PE10 - Epidemiologia das doenças crônicas não-transmissíveis (DCNT) - Câncer (TODOS OS DIAS)
Favoritar este trabalho
Como citar esse trabalho?
Resumo

Objetivo: Descrever a incidência por faixa etária de câncer de mama em mulheres do Nordeste brasileiro. Método: Estudo ecológico, retrospectivo, com dados secundários extraídos do Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde (DATASUS) pertencente ao Ministério da Saúde e tabulados no TABNET coletados a partir da categoria “Tempo até o início do tratamento oncológico - PAINEL – oncologia”. Foi realizada a análise do número de diagnóstico dos casos de neoplasia maligna da mama (C50) no sexo feminino na Região Nordeste do Brasil e feita a distribuição de acordo com faixas etárias durante o período de 2018 a 2020. Realizou-se a estatística descritiva, com apresentação da frequência absoluta, média e desvio padrão. Resultados: Foram registrados 28.248 casos de câncer de mama, com média de 9.416 (DP±814,522) por ano. O número de casos por faixa etária variou de 211 casos de 0 a 19 anos e 3.921 casos de 50 a 54 anos. Os Estados que apresentaram maior incidência no período analisado foram Bahia, Pernambuco e Ceará, com 7.034 (24,90%), 5.738 (20,31%) e 5.024 casos (17,79 %), respectivamente. Conclusões: A incidência de casos entre 50 e 54 anos destaca-se em relação a outras faixas etárias. Observou-se ainda um padrão no número de casos, sendo crescente até a faixa etária de 50 a 54 anos e decrescente a partir da mesma.

Eixo Temático
  • Epidemiologia das doenças crônicas não-transmissíveis (DCNT)