80046

TRATAMENTO DE FERIDAS EM CÃES DOMESTICOS COMPARAÇÃO ENTRE LASER E PELICULA DE HIDROCOLOIDE

Favoritar este trabalho Entre em contato com os autores

Ferida é caracterizada por solução de não continuidade da estrutura de um tecido orgânico, nos quais, os traumas representam o principal causador de lesões de pele, estruturas cutâneas adjacentes, lesões são avistadas em cães e podem receber inúmeras classificações, feridas podem se apresentar em formas mais gravem podendo até levar o animal ao óbito, a identificação desta, reconhecimento, classificação, e cuidados adequados são fundamentais para a recuperação do mesmo. Nas metodologias para tratamento este avaliou a eficácia de dois métodos de tratamentos para feridas, o uso do laser comparado ao da película de hidrocolóide. Serão utilizados 20 cães escolhidos aleatoriamente, de acordo com a rotina do Hospital Veterinário Unicesumar, divididos em dois grupos, um de 10 animais para avaliação do processo cicatricial de feridas com o uso do laser terapia e um de 10 animais para avaliação do processo cicatricial de feridas com o uso de película de hidrocoloide. Feridas cutâneas são lesões secundárias a trauma e muito frequentemente atendidas na rotina veterinária. Feridas contaminadas são tratadas por segunda intenção, e a avaliação do melhor método a ser empregado nessas situações é imprescindível. A velocidade e qualidade da cicatrização que será avaliada segundo embasamento cientifico, o tratamento de feridas abertas em pequenos animais vai assim favorecer ambas as partes envolvidas, paciente, proprietário, médico veterinário e instituição. Ao fim da pesquisa espera-se mostrar as reais propriedades da eficácia destes métodos nos tratamentos de feridas abertas tendendo a provar que o laser pode ser mais eficiente para o tratamento em cães domésticos.