79523

AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DO MODELO DE GRADE IONOSFÉRICA BRASILEIRA (GIB)

Favoritar este trabalho Entre em contato com os autores

O Sistema Global de Navegação por Satélite tem crescente uso nas mais diversas aplicações como agricultura, navegação aérea, marítima e terrestre, entre outras. Porém, os sinais deste sistema estão sujeitos a diversas fontes de erros destacando-se a ionosfera terrestre através, principalmente, do efeito da refração ionosférica. O erro sistemático referente à ionosfera pode ser minimizado através da adoção de modelos ionosféricos, como o GIB (Grade Ionosférica Brasileira). Este trabalho buscou analisar a eficiência do GIB e compará-lo com o modelo CODE (Center for Orbit Determination in Europe). Obteve-se resultados satisfatórios de boa acurácia e baixa dispersão das coordenadas corrigidas.