82325

Preceptoria médica na Atenção Primária em Saúde: projeto-piloto da Unipampa-Uruguaiana/RS

Favorite this paper

Apresenta o Projeto-Piloto do Curso de Formação em Preceptoria Médica na Atenção Primária em Saúde (APS) do Curso de Medicina da Universidade Federal do Pampa (Unipampa), Campus Uruguaiana. Tem como objetivo analisar a formação em preceptoria médica, compartilhando a construção do perfil do preceptor e do educando e da avaliação realizada da primeira etapa do processo formativo. Trata-se de um relato de experiência que visa desenvolver a formação profissional e o incremento do curso de medicina em implantação na Unipampa. O Curso de Medicina da Unipampa é autorizado pela Portaria N. 937, de 2 de dezembro de 2015, no âmbito da Política Nacional de Expansão das Escolas Médicas das Instituições Federais de Educação Superior. Pautado pelas Diretrizes Curriculares Nacionais do Curso de Graduação em Medicina (2014), utiliza metodologia de Problem Based Learning (PBL). Realiza integração ensino-serviço-gestão-comunidade desde o ingresso discente no curso. Em seu componente curricular Práticas de Integração Ensino, Serviço e Comunidade (PIESC) do quarto semestre, insere o educando junto às equipes de Saúde da Família da APS. A formação pedagógica dos preceptores se apresenta enquanto potente ferramenta aliada à necessidade de aproximar os médicos do Programa Mais Médicos ao curso de graduação em implantação no município. Pactuado junto à Secretaria Municipal de Saúde (SMS), através da Coordenação do Programa Mais Médicos, foram convidados 5 médicos. Participam também 20 acadêmicos e a coordenação do Núcleo Municipal de Educação em Saúde Coletiva (Numesc). As atividades em serviço ocorrem duas vezes por semana, nas quais uma dupla de discentes é acompanhada pelo preceptor em formação pedagógica. Mensalmente são realizados encontros no Numesc, onde são desenvolvidos os temas relativos à formação do preceptor e debatidos os contextos da formação profissional médica em APS. Com os resultados pretende-se ofertar a formação em preceptoria a todos os médicos da APS do município.