Favorite this paper

O objetivo do presente trabalho foi determinar as propriedades físicas de quatro espécies florestais nativas (Castilla ulei, Schizolobium parahyba, Aspidosperma macrocarpon e Apuleia leiocarpa) provenientes da Amazônia Peruana. Foram selecionadas nove amostras radiais da Xiloteca – UNAMAD, que pertence a uma árvore por espécie. Foi utilizado a Norma Técnica peruana para determinar a umidade, densidade e contração das madeiras. Os dados de propriedades físicas das madeiras foram similares aos encontrados na literatura o que demostra que os métodos de saturação da madeira podem ser utilizados para determinar as propriedades físicas das madeiras. Os resultados mostram que as espécies que apresentaram menor densidade básica apresentam maior conteúdo de umidade, em função a densidade básica pode-se classificar como baixa (C. ulei), densidade média (S. parahyba) e duas de densidade alta (A. macrocarpon e A. leiocarpa). Inferindo os resultados à secagem da madeira, as quatro espécies podem apresentar um bom comportamento à secagem.