61532

PROPOSTA DE PROGRAMA DE SECAGEM PARA A MADEIRA DE “ANGELIM-VERMELHO” (Dinizia excelsa Ducke)

Favorite this paper

O processo de secagem da madeira é uma etapa fundamental para a geração de produtos de maior valor agregado. Este processo permite a redução da variação dimensional da madeira a limites aceitáveis e com maior precisão de dimensões. Sendo assim, o objetivo deste trabalho foi propor um programa de secagem convencional para a madeira de angelim-vermelho (Dinizia excelsa Ducke) procedente da área de manejo da Floresta Nacional do Tapajós. Para o ensaio da secagem foram confeccionadas amostras de pequenas dimensões, sendo submetidas à estufa sem circulação forçada de ar regulada para 100 °C. Para adquirir a massa seca e avaliar as rachaduras internas e intensidade do colapso, as amostras foram reconduzidas a estufa reajustada a 103 °C. As equações aplicadas geraram as seguintes informações para a construção do programa de secagem: temperatura inicial de bulbo seco igual a 45 °C, temperatura final de bulbo seco igual a 70 °C e potencial de secagem igual a 2,7. O ensaio de secagem mostrou que o angelim-vermelho é uma espécie que apresenta uma secagem moderada, demandando programas de secagem moderados à suaves, devendo-se tomar as devidas precauções na condução da secagem para a aquisição do produto final desejado.