63665

ESTIMATIVA DE PROPRIEDADES DE RESISTÊNCIA E RIGIDEZ NA FLEXÃO ESTÁTICA ATRAVÉS DE PARÂMETROS COLORIMÉTRICOS DA MADEIRA

Favorite this paper

O objetivo desta pesquisa foi gerar modelos de regressão para estimativa das propriedades de resistência e de rigidez da madeira em flexão estática através de parâmetros colorimétricos. Nesta pesquisa foi uitlizada madeira de Simarouba amara Aubl. com 12% de teor de umidade para determinação do módulo de elasticidade (EM) e resistência à flexão estática (fM) de acordo com a norma ABNT NBR 7190:1997. De acordo com o sistema CIE L*a*b* foram determinados os seguintes parâmetros colorimétricos: luminosidade (L*) e tonalidades nos eixos vermelho/verde (a*) e amarelo/azul (b*). Foram utilizados modelos de regressão multi-variáveis quadráticos completos para estimativa das propriedades mecânicas da madeira utilizando os parâmetros colorimétricos L*, a* e b* como variáveis independentes. Os valores médios de L*, a* e b* para a madeira de Simarouba amara Aubl. foram igual a 78,89, 1,45 e 18,66, respectivamente, ou seja, madeira branca amarelada. Os valores médios de fM e EM foram iguais a 62,61 MPa e 7114 MPa. Os coeficientes de determinação para as correlações de fM e EM foram iguais a 63,21% e 75,75%, respectivamente. Os resultados dos coeficientes de determinação apresentados neste trabalho apontam para a possibilidade da proposta de novos modelos de regressão para estimativa de outras propriedades da madeira através dos parâmetros colorimétricos.