61403

DUREZA DE PAINÉIS AGLOMERADOS PRODUZIDOS COM PARTÍCULAS DE MADEIRA DE Tetrorchidium rubrivenium E Pinus elliottii

Favorite this paper

A dureza Janka consiste em medir o esforço necessário para introduzir no topo e nas laterais do corpo de prova uma semi-esfera de aço até uma profundidade igual ao raio da mesma. O presente trabalho teve como objetivo analisar a dureza de painéis aglomerados produzidos com a madeira de Tetrorchidium rubrivenium e Pinus elliottii. Para tal, foram produzidas chapas com 0, 25, 50, 75 e 100% (variação entre espécies) de proporção em massa seca de partículas, e para cada tratamento foram utilizadas oito repetições, totalizando 40 painéis aglomerados. A propriedade mecânica avaliada foi dureza dos painéis de diferentes tratamentos. A normatização técnica estabelece para dureza Janka valor mínimo de 22,7 MPa em painéis aglomerados. Com isto, concluiu-se que todos os painéis aglomerados com partículas dos respectivos tratamentos são materiais fracos e de pouca dureza, não podendo ser recomendados para o uso em móveis e na construção civil por não atingirem valores de dureza Janka iguais ou superiores ao valor citado. Indicam-se novos testes com outros aditivos para melhorar as características dos painéis.