Favorite this paper

Neste trabalho, objetivou-se a caracterização física, química e anatômica da madeira de Rhamnidium elaeocarpum Reissek. Coletaram-se três árvores na região de Jataí-GO, e foram retirados discos nas posições longitudinais de 0, 25, 50, 75 e 100 % da altura comercial, para caracterização física e anatômica. Também foi retirado um disco na altura do DAP (diâmetro a altura de 1,3 m do solo) para análise química. Com relação a propriedade física determinou-se a densidade básica de acordo com o método de imersão em água. Para a análise anatômica determinou-se as porcentagens de cerne e alburno e a relação entre eles. Para a caracterização química determinou-se a quantidade de extrativos totais, holocelulose, lignina e cinzas.Os principais resultados encontrados para análise química foram: 11,36 % de extrativos totais; 59,15 % de holocelulose; 28,27 % de lignina e 1,22 % de cinzas. A densidade básica se apresentou decrescente da base para o topo, sendo a madeira considerada de média densificação. A relação cerne/alburno foi maior nos discos coletados na base da árvore e menores no ápice.