10727

VARIAÇÃO DA DENSIDADE BÁSICA DE Eucalyptus grandis HILL EX MAIDEN EM FUNÇÃO DA ALTURA COMERCIAL

Favorite this paper

Foram estudadas as variações da densidade básica da madeira de Eucalyptus grandis para diferentes alturas comerciais das árvores, instaladas na Universidade Federal de Santa Maria, no Rio Grande do Sul. O estudo envolveu essa espécie com duas procedências amostradas, desde a base até o o topo (100%) da altura comercial. Pelos resultados obtidos pode-se classificar a madeira Eucalyptus grandis, como de baixa densidade (0,46 g/cm³), caracterizada como leve. A densidade básica teve uma variação axial que obteve seu menor valor nas alturas comerciais 25% (6,2 m) e 50% (12,3 m), e maior valor observado a 75% (18,2m) da altura comercial. Portanto pode - se classificar essa madeira de baixa resistência mecânica, não sendo indicada para construção civil, cabos de ferramentas e materiais que necessitam de alta resistência mecânica.