14435

Caracterização das propriedades físicas da madeira de Sequoia sempervirens

Favorite this paper

O objetivo do presente trabalho foi determinar as propriedades físicas da madeira de Sequoia sempervirens, com intuito de fornecer informações a respeito da densidade e da retratibilidade da madeira. A matéria-prima foi proveniente de árvores de Sequoia sempervirens com 18 anos de idade, a qual estava plantada na cidade de São Joaquim–SC. As árvores foram abatidas, traçadas, desdobradas em semi-bloco e vigas, das quais foram obtidos os corpos de prova. Os ensaios foram realizados de acordo com os procedimentos da NBR 7190 (1997). As propriedades físicas analisadas foram: massa específica aparente e aparente básica, retratibilidade volumétrica e linear, anisotropia de contração e coeficiente de retratibilidade. Os valores de massa específica classificaram a madeira de Sequoia sempervirens como leve ou de baixa densidade. Os coeficientes de retratibilidade, bem como a anisotropia de contração e o coeficiente de retratibilidade são considerados como baixos, quando comparados com espécies comerciais. Recomenda-se o estudo das propriedades mecânicas da espécie, e o comportamento da mesma nos processos industriais e na secagem.