CALIBRAÇÃO DE RELAÇÕES FUNDAMENTAIS: APLICAÇÃO DO MODELO DE VAN AERDE PARA DESCRIÇÃO DE DADOS PÚBLICOS DE TRÁFEGO VEICULAR

Vol 2, 2023 - 161344
Relatórios de Teses e Dissertações em Andamento
Favoritar este trabalho
Como citar esse trabalho?
Resumo

Este trabalho busca explorar modelos de relações fundamentais entre as variáveis macroscópicas do fluxo de tráfego e desenvolver uma metodologia de calibração para dados de tráfego com resultados aderentes à representação empírica observada em campo. A metodologia proposta agrega dados brutos em intervalos de densidade, representados pelos 85 percentis da velocidade e do fluxo, e busca os parâmetros ótimos do modelo de Van Aerde por meio do algoritmo ISRES. Como teste para a metodologia proposta, dados públicos de 14 conjuntos com ocorrência dos regimes de fluxo de tráfego livre e congestionado foram selecionados a partir de estações de contagem da rodovia I-205 (EUA). Como resultado, quando comparadas ao software SPD_CAL, essas calibrações obtiveram relações fundamentais que capturam o comportamento do tráfego observado de forma mais aderente e coerente com as observações práticas, sobretudo quanto à densidade de congestionamento e à queda acentuada de velocidade após o fluxo máximo ser atingido.

Compartilhe suas ideias ou dúvidas com os autores!

Sabia que o maior estímulo no desenvolvimento científico e cultural é a curiosidade? Deixe seus questionamentos ou sugestões para o autor!

Faça login para interagir

Tem uma dúvida ou sugestão? Compartilhe seu feedback com os autores!

Instituições
  • 1 Pös-Graduação em Tecnologia, Faculdade de Tecnologia, Universidade Estadual de Campinas
  • 2 Faculdade de Tecnologia, Universidade Estadual de Campinas
Eixo Temático
  • 3. Tráfego Urbano e Rodoviário
Palavras-chave
Relações Fundamentais de Tráfego Veicular; Modelo de Van Aerde; Engenharia de Tráfego